Crescer

por Carolina Arruda | Psicanalista

Crescer

As primeiras relações de afeto de uma criança se dão com seus pais e, através delas, pode-se desenvolver segurança, autonomia, ética, resiliência e vários atributos que permitirão a formação de um adulto melhor.

O papel de educar envolve a responsabilidade de escolher pela criança até que ela adquira capacidade para tomar tal decisão. Por exemplo, um bebê de 2 anos não escolhe que roupa usar, nem o que comer, algo que uma criança de 6 anos talvez já consiga fazer. Dessa forma, os pais colaboram com o seu crescimento – as escolhas e responsabilidades vão sendo inseridas na vida da criança durante o seu desenvolvimento.

Toda criança, de uma forma ou de outra, busca o amor e a aprovação de seus pais; ela precisa se sentir amada e faz tudo que é possível, ainda que inconscientemente, para obter o que considera como “ser amada”. A criança vai adequando seus gostos, vontades e comportamentos para alcançar essa aprovação dos pais. E a aprovação acontece, só que a “repressão” também. Quando adulto, descobre, em determinado momento, que não teve uma expressão pessoal nas decisões de sua própria vida, ainda fazendo escolhas infantis.

Na Psicanálise, pode-se entender que o indivíduo age, consciente ou não, em busca de ser cuidado e ter autonomia, com desejos de agradar o outro e satisfazer sua necessidade de ser amado. Quando ele se reconhece enquanto sujeito da própria história, pode escolher caminhar nesta direção, pode aprender a separar o que é seu do que é do outro, sem ter que ainda buscar aprovação para se sentir amado, entendendo que o amor e o respeito estão além da vontade de agradar.

A análise oferece ao indivíduo a possibilidade de acessar e compreender sua história, e a partir disso, fazer as mudanças que julgar pertinentes e necessárias para seguir sua vida adulta de forma saudável e equilibrada, seja qual for o papel que exerça na vida.

Aprofunde seus conhecimentos

Que tornar-se um profissional da área? Forme-se em nosso curso e seja um psicanalista!

O QUE ACHOU DA POSTAGEM?

    últimas postagens

    A Fronteira Final da Terapia: Integrando Biodinâmica na Cura

    por Equipe IBCP
    A Integração Corpo-Mente. Historicamente, a prática da psicoterapia tem sido dominada por abordagens que focam primariamente na mente e nos processos cognitivos, muitas vezes negligenciando o papel fundamental que o corpo desempenha na saúde mental. Contudo, o surgimento da Psicanálise e, mais recentemente, da Biodinâmica, destacou a inextricável ligação entre o físico e o psíquico. […]
    Leia mais+

    Os fatores que influenciam a saúde mental

    por Anderson R Vieira - Psicanalista
    Diversos fatores podem influenciar a saúde mental, os principais são: a genética, os fatores biológicos, os psicológicos, os fatores ambientais e sociais. A seguir vamos abordar cada um deles e como podem impactar na saúde mental. Atualmente, existem diversos estudos que sugerem que os fatores genéticos podem desempenhar um papel no desenvolvimento de alguns transtornos […]
    Leia mais+
    LEIA TODAS AS POSTAGENS
    plugins premium WordPress