Uma história real

por

por Regiane Gomes Mazzola | Psicanalista e Psicoembrióloga

Primeiro veio o Universo, que explodiu e seus pedaços viraram planetas e estrelas. No olhar de uma criança, estes são seres amados, que moram no céu. O planeta é o seu Universo e ela o centro dele.

O mundo, sempre em transformação, é primeiro criado na cabeça do homem, que aprendeu a transformar imaginação em coisas. Foi assim com a  lâmpada, uma engenhoca que levou anos para acender, mas   para um bebê é apenas o fruto do seu choro trazendo, ainda,  sua rainha, que o envolve em braços de nuvens.

Para o bebê,  tudo parece caminhar  em perfeita harmonia, até que o rei, bem grande, levanta de seu trono e trava uma batalha pela sua rainha.

Uma história que se repete por gerações, que vivenciam realidades em constante evolução, diferentes umas das outras, mas que muitas vezes ficam aprisionadas nos labirintos escuros do Sr. Medo!

Em alguns reinos, os reis e rainhas, passam seus nobres valores e abrem as portas de seus castelos, encorajando seus príncipes e princesas a darem asas à imaginação e conquistarem seus próprios reinos.

Estes príncipes e princesas saem com seus Wazes que apontam os caminhos, os Googles, que trazem respostas, em um estalo de dedos e os cavalos alados, movidos a motores a jato, que os levam para outros reinos, em um piscar de olhos.

Enfim, as histórias destes personagens da vida real, são escritas com canetas que usam baterias, cadernos que não desmatam florestas e com a força que os levam a  criar seus próprios reinos, povoando-os com outros livres pensadores.

Como está o seu castelo? O seu reino? As folhas em branco estão aí, as canetas à disposição, para você recomeçar, recomeçar e recomeçar, com a liberdade de um criador de histórias reais.

O QUE ACHOU DA POSTAGEM?

    últimas postagens

    A base de tudo

    por Equipe IBCP Psicanálise
    Há muitos séculos, estudiosos já mencionavam em seus escritos, a existência de uma considerável movimentação do bebê dentro do ventre materno e uma possível ligação emocional entre ambos, mãe e filho. Essas observações, a princípio intrigantes e objeto de interesse por muitos pesquisadores nos tempos seguintes, teve sua comprovação somente por volta do século XIX […]
    Leia mais+

    A Fadiga do Retorno

    por Roseana Coelho / Psicanalista
    A recente retomada das atividades presenciais tem causado vários efeitos psíquicos, dentre eles ansiedade e especialmente cansaço. Em 2020 foi preciso uma adaptação rápida, sem preparo, para uma situação não vivenciada antes, de enclausuramento, distância da vida do modo que era conhecida e um estado de alerta constante. Agora, dois anos depois, é preciso retomar, […]
    Leia mais+
    LEIA TODAS AS POSTAGENS